Os filtro solares da Bioré, considerados os melhores do mundo, desembarcam no Brasil
Eleitos

Os filtro solares da Bioré, considerados os melhores do mundo, desembarcam no Brasil

por Vânia Goy

Comoção, gritaria, mensagens em caixa alta no inbox do meu Instagram. Filtro solar é coisa séria e a Bioré entende do assunto. Entre as iniciadas no assunto, a marca japonesa têm a fama de ter os melhores filtros solares do mundo. De fato, são ganhadores de inúmeros prêmio e vivem nas listas de produtos mais vendidos. Por isso, desde a chegada da Bioré ao país, em outubro passado, todas esperavam ansiosas pelo lançamento dos FPS no Brasil. E a boa notícia é que três versões desembarcam por aqui na primeira quinzena de novembro deste ano.

À convite da marca, ajudei o time brasileiro a apresentar as novidades para a imprensa e influenciadoras, aqui em São Paulo, e a parte boa é que venho testando as três versões ao longo do último mês. Antes de responder as perguntas que se repetiram dezenas de vezes no inbox do Instagram, vou fazer um resumo da promessa de cada um deles e da minha percepção sobre as fórmulas:

Bioré UV Aqua Rich Watery Essence FPS 50 PA++++ (R$ 67,99): meu favorito! Essa versão é a mais aquosa de todas, muito fresca e com cheiro de laranja — tenho a impressão que a Glossier se inspirou nele para fazer a sua versão, que descrevo aqui. Ele parece um gel, mas não deixa a pele repuxando ou com aquela sensação de ressecamento. Ao contrário, fico com o rosto muito macio. Sua fórmula é feita com 100% de filtros químicos, por isso ele é transparente e, acredito, o mais recomendado para meninas morenas e negras que sofrem com filtros esbranquiçados. Tem ácido hialurônico e extrato de geléia real (info importante para as veganas!), que ajudam a manter essa sensação de hidratação. Para que não quer sentir que está usando filtro solar. E descobri que ele é o FPS mais vendido do mundo: mais de 2 milhões de unidades em 2017!

Bioré UV Perfect Milk FPS 50 PA++++ (R$ 65,99): leitoso, mas zero oleoso, deixa o rosto com toque seco. Também implico com os FPS mate porque eles acabam interferindo no acabamento da base, fazendo com que ela craquele, esfarele ou deixando a minha pele com a sensação de ressecamento. Esse é muito mais confortável: fácil de espalhar, deixa o rosto aveludado. Super resistente à água e suor, combina filtros químicos e físicos na fórmula, portanto, é mais branquinho do que o Aqua Rich, descrito acima.

Bioré UV Perfect Face Milk FPS 50 PA++++ ( R$68,99): a terceira versão é mais parecida com o Milk, por ser uma emulsão leitosa, que precisa ser agitada, ter a combinação de filtros físicos e químicos e deixar o rosto mais aveludado. No entanto, essa opção foi criada para ser usada como um primer, que ajuda a fixar a maquiagem. Ela contém uma espécie de pó que tem afinidade total com óleo, e ajuda a absorver o brilho que vai aparecendo ao longo do dia. De novo, não deixa a sensação de pele oleosa ou melecada nem repuxada.

Abaixo, fiz uma listinhas das perguntas que recebi para responder tudo numa tacada só:

1. Os FPS da Bioré precisam ser retirados com demaquilante?
Segundo a marca, uma boa lavagem com sabonete dá conta de retirar as versões muito resistentes a água (Perfect Milk e Face Milk), mas eles avisam que se você sentir necessidade, deve usar um demaquilante antes. Eu, como boa adepta da double cleansing asiática (aqui explico direitinho o processo), prefiro usar um óleo com enxágua antes de lavar, para garantir que tudo saiu direitinho. E, no meu caso, já faria esse passo de limpeza por causa da maquiagem. Se você não curte o demaquilante, recomendo testar o Aqua Rich.

2. Quais são filtros físicos e quais são filtros químicos?
O Aqua Rich é totalmente químico, por isso, mais transparente. As outras duas versões combinam ingredientes químicos e físicos.

3. Eles são veganos? E cruelty-free?
Nem todos são 100% veganos. O Aqua Rich, por exemplo, tem extrato de geléia real. A Kao, holding dona da Bioré, afirma não testar em animais: mais detalhes sobre a política da empresa aqui! 

4. Dá para comprar online?
Sim, eles estarão à venda nas 150 lojas selecionadas da Droga Raia e Drogasil e em seus e-commerces.

5. Eles são todos faciais?
Só a versão primer. O Aqua Rich e o Perfect Milk podem ser usados no corpo também.

6. Qual deles é melhor para a pele oleosa?
Nenhum deles tem uma indicação específica para o tipo de pele. Daí vai de conforto pessoal. Se você gosta da pele mais sequinha, cute um make opaco, eu acho que um dos Milks vai te fazer feliz. Se você gosta de pele macia, radiante, vai no Aqua Rich.

7. Odeio FPS porque me sinto oleosa e grudando. Qual deles deixa menos essa sensação?
Nenhum deles deixa essa sensação! Mas os Milks são mais sequinhos.

8. Funciona para quem tem melasma?
Super! A recomendação geral dos especialistas e da Sociedade Brasileira de dermatologia é o uso de FPS alto com proteção UVA e UVB e um mix de filtros químicos e físicos nas regiões afetadas. Eu sinto que a barreira física dos filtros dá uma força na hora de segurar o desenvolvimento das minhas manchas. Nesse caso as versões Milk seriam mais indicadas.

Posts Relacionados