Batom vermelho: o novo jeito de usar o seu favorito
Eleitos

Batom vermelho: o novo jeito de usar o seu favorito

por Vânia Goy

Batom vermelho combina com o que? Agora, com nada mais. Explico: pense em Dita Von Teese, Marilyn Monroe e todas as musas que combinam as suas bocas perfeitamente vermelhas com aquele traço de delineador preto ou muita máscara. Sim, dá para fazer algo diferente disso com o seu Russian Red. A melhor definição eu ouvi da maquiadora Christelle Cocquet, durante a temporada de verão, em Paris. “Pense no batom como o seu único acessório.”

O meu novo jeito favorito de usar é deixando a cor igualmente importante, só que com um look mais relaxado. Melhor exemplo: a campanha de verão 2016 da Céline. Parece que as gatinhas acordaram, passaram um batom vermelho, escovaram o cabelo e nada mais.

Não é que as coisas aconteçam nessa ordem lá em casa. Fazer os meus vermelhos favoritos descerem do salto exige algum esforço e substituições espertas:

1. Troque a base de alta cobertura pelo BB Cream: o meu favorito é o da coreana Misha (R$ 237), que deixa o rosto com brilho fresquinho e afasta a ideia de pele opaca, de uma diva Hollywoodiana que ficou horas cobrindo imperfeições com uma almofadinha cheia de pó. Lembre-se: sardas são bem-vindas!

2. Troque o blush rosado ou bronzer pelo pêssego: ele deve ser quase transparente e só serve para tirar aquele rastro branco-assustado que, às vezes, a sua base pode deixar. Em creme é melhor ainda! Em teste: Chubby Stick Colour Balm Smoldering Plum (R$ 109), da Clinique.

3. Troque o delineador e a máscara pelo lápis de sobrancelha: reforçada, ela deixa maquiagem com uma cara mais profissional. A vida pode parecer um pouco esquisita sem máscara para os cílios mas, acredite, você vai sobreviver. Amor à primeira vista: o Pro Sculpting Brow, da Make Up For Ever (R$ 128).

4. Não improvise: boca perfeita requer algum cuidado. Eu desenho e preencho tudo com um lápis labial (e não há nenhum macio e durável quanto o Aqua Lip (R$ 99), da Make Up For Ever) e depois passo o batom. A minha lista de vermelhos da vida mora aqui!

Posts Relacionados