Foco nos olhos e maquiagem colorida como escapismo
Futuro

Foco nos olhos e maquiagem colorida como escapismo

por Vânia Goy

Com hábito de usar máscaras de proteção para o rosto sendo adotado no mundo todo, a indústria de beleza pode experimentar um crescimento de categorias de maquiagem pros olhos. A expectativa, segundo uma análise da Mintel, é que sombras, delineadores, máscaras e corretivos comecem, gradualmente, a crescer depois da estabilização da pandemia — especialmente na Ásia, onde o uso de delas já era relativamente comum. 

Escapismo artístico 
Se depender das entusiastas de beleza que têm compartilhado suas maquiagens no Instagram, o foco nos olhos deve ser cada vez mais escapista e colorido — vide o make neon e borradinho que a atriz Tracee Ellis Ross postou outro dia. A gente já tinha acompanhado, no ano passado, a popularização dos blocos de cor nas pálpebras, especialmente cor-de-rosa, e um desejo mais experimental de maquiar os olhos com traços livres. Não faltaram referências saídas, por exemplo, das personagens de Euphoria, série da HBO. Para buscar inspiração: Nathalie Billio, que recentemente fez um delineador azul inspirado nos recortes de Matisse; Brigitte Callegari e a linda sombra menta pastel, pras discretas; Helder Rodrigues deixou a gente com vontade de usar o delineador pink e Mika Safro, com o seu amarelo vibrante. Para quem acha que não tem habilidade, anda sem ânimo ou sombra colorida, os filtros da @bonitadepele e da @mona.loja (que tem ótimas versões de sombras cremosas!) ajudam a matar a vontade!

Desafios de maquiagem
A Nars, em parceria com a feira SP-Arte, com a galeria Bergamin & Gomide e a consultoria Act, lançou o #AndyWarholChallenge, desafio de maquiagem que convidou o público a recriar as icônicas polaroids de Andy Warhol. Lá fora, a hashtag #METGalaChallenge tem mais de 5 mil posts com fotos de gente recriando looks e maquiagens icônicas como a que o ator Ezra Miller atravessou o tapete vermelho do baile anual organizado por Anna Wintour, que teve a edição deste ano cancelada. No #TinyFaceChallenge, o desafio é cobrir a boca e redesenhá-la em versão mini no nariz. Ilusão de ótica para profissionais.

Maquiagem para o humor
Fazer uma maquiagem (que nem precisa ser tão artística e animadona) pode mesmo ajudar no humor do dia a dia. Uma reportagem recente na revista Time fala que a manutenção de hábitos como o de se maquiar mesmo sem sair de casa, pode ir além da vaidade. Segundo Stewart Shankman, chefe do departamento de psicologia do Northwestern Memorial Hospital, em Chicago, estabelecer e manter rotinas que nos fazem bem realmente beneficiam o humor. 

Neo-góticos
A  vibe mágica, colorida e otimista dos unicórnios ganhou uma versão melancólica, segundo a revista americana Allure. A responsável pelo make gótico-pastel-tie-dye é Doniella Davy, maquiadora que assinou os looks Euphoria.

Foto: Alex Batista, com beleza de Helder Rodrigues e look Neriage

Posts Relacionados