Notícias da semana: a chegada da Fenty à Sephora brasileira e mais!
Futuro

Notícias da semana: a chegada da Fenty à Sephora brasileira e mais!

por Manuela Aquino

Fenty Beauty by Rihanna será vendida na Sephora brasileira
Quem torceu pode comemorar porque teremos os produtos da marca de beleza da cantora Rihanna disponíveis em território nacional. A partir de 18 de agosto será possível encontrar a linha de maquiagem da Fenty BEauty nas lojas físicas e no site da Sephora. A marca foi lançada em 2017 em 17 países, cresceu e hoje está presente em 35. Para colocar a Fenty em pé, Rihanna fez parceria com uma desenvolvedora de marcas de beleza do grupo LVMH. O destaque da linha é a variedade da paleta de cores para os produtos de pele. Por aqui chegam, por exemplo, o Primer Pro Filt’R (R$ 209) e a base de longa duração matte suave Pro Filt’R (219).

As estratégias do Grupo Boticário na crise
O vice-presidente de vendas do Grupo Boticário deu uma entrevista para o portal Brazil Beauty News falando como o grupo vem lidando com o impacto da pandemia. Para driblar a falta de contato com os consumidores nas lojas e venda direta, André Farber disse que foi usado o omnichat, atendimento via WhastApp, com entrega do item comprado feita pela loja mais próxima. Na entrevista, ele destaca que o e-commerce está cada vez mais relevante e que os canais online precisaram ser ampliados, pois quase a totalidade de compras neste período de isolamento foram feitas de maneira virtual. Segundo ele, foi registrado um crescimento nas vendas online e 34% dos frequentadores das marcas eram novos consumidores. Com relação às medidas de segurança nas lojas, ele conta que os testes foram suspensos e alternativas mais seguras precisaram ser pensadas, como o espelho virtual para maquiagem.

Mesmo com a crise, setor de higiene e beleza deve fechar o ano em alta
A Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) divulgou os número da indústria referentes aos meses de janeiro a maio, período que pega em cheio a pandemia. Por conta da venda de produtos para prevenção do contágio pelo novo coronavírus, como sabonete e álcool-gel, houve um crescimento de 0,6% no setor em faturamento, se comparado ao mesmo período em 2019. Em relação ao volume, o álcool-gel, como esperado, disparou e teve uma alta de 3127% (volume/tonelada) de um ano para o outro e foram mais de 6,3 milhões de toneladas vendidas. Ainda tiveram aumento as vendas de xampu e condicionador, com 2,9% e 9,2% respectivamente. Com o foco do cuidado em casa, a categoria de skincare também foi destaque principalmente o uso de cremes antirrugas e anti-idade, que cresceram 13,4%. Com esse balanço, a associação afirma que o setor como um todo, apesar dos pesares, cresce 11% em 2020.

Glossier de portas fechadas até o fim do ano
A crise bateu pesado nas lojas conceito da marca Glossier. A empresa anunciou que irá demitir 150 funcionários das três lojas de Los Angeles e Nova York. No blog da empresa a CEO Emily Weiss disse que “nos últimos meses ficou claro que teremos que lidar com os riscos da covid-19 até o fim do ano e além”. A marca também divulgou que só pretende abrir as portas novamente no ano que vem. A situação desses trabalhadores fica mais complicada pois o governo dos Estados Unidos anunciou a redução do valor do auxílio para que ficou desempregado na pandemia. A empresa garantiu a eles doze semanas de seguro saúde, que termina em outubro. Assim, como o Brasil, os Estados Unidos estão com os números de casos crescentes, o que faz ser incerto para uma loja como a da Glossier, famosa pela ausência de prateleiras e 100% dedicada à experiência dos consumidores com os testers dos produtos.

Instagram reage ao TikTok e se dá bem
A notícia é boa para a rede social, que estava preocupada com o avanço do Tik Tok. Pois bem, o Reels, ferramenta para fazer vídeos rápidos, virou queridinho das influencer de beleza que estavam fazendo sucesso na concorrência. Além dele, os aplicativos Triller e Byte também entra na fila para competir com o TikTok. A manobra do Instagram foi bem pensada e atingiu o alvo desejado. Antes de lançar o Reels mundialmente, em 5 de agosto, eles liberaram o recurso antes para um grupo  de influenciaras e celebridades. Deu certo, pois o Reels já é popular. Como nenhuma notícia ruim vem sozinha, além de ter um concorrente pesado entre suas influencers, o Tik Tok enfrenta um momento difícil com o risco de ser banido dos Estados Unidos em setembro. Só será salvo se for comprado por uma empresa americana — por enquanto Twitter e Microsoft demonstraram interesse.

Natura: Vinte anos de Ekos castanha e investimento em startup de beleza
A Singu é uma startup de beleza criada pelo fundador da Easy Taxi, Tallis Gomes, que faz serviços de beleza, como manicure, pelo sistema de delivery. É nela que a Natura vai investir em uma super aproximação com o ecossistema das startups. A Natura está de olho nas centenas de milhares de pessoas que poderia atingir e fazer crescer a base de três mil profissionais, entre manicures, cabeleireiros e massagistas. Funciona de maneira bem parecida, você baixa, faz o cadastro, escolhe o serviço e espera o match do profissional. Outra notícia do grupo: Natura Ekos completa 20 anos e lança uma edição especial com seu icônico ativo, a castanha. As embalagens terão desenhos da artista paraense Michelle Cunha mostrando o trabalho dos castanheiros e a importância da árvore para o ecossistema da Amazônia.

Demanda por cortes de cabelo em casa cresceu 600%
Pelo menos nos Estados Unidos, essa foi a margem de aumento no serviço “no conforto do seu lar” nos últimos três meses, registrada pelo aplicativo Shortcut. O app foi apelidado de Uber do corte de cabelo pois com ele é possível agendar um cabeleireiro ou barbeiro na área em que você reside. O Shortcut não nasceu na pandemia, ele foi criado pelo empresário Will Newton em 2015, quando ninguém desconfiada do que passaríamos nos dias de hoje. Os profissionais habilitados e que oferecem os serviços precisam seguir regras de segurança como uso de luvas e máscara, colocar no cliente capa descartável e são orientados a fazer cortes ao ar livre, nem que seja na varanda.

Posts Relacionados