Abrasileirar, o novo canal de Néli Pereira sobre os saberes nacionais
Pessoas

Abrasileirar, o novo canal de Néli Pereira sobre os saberes nacionais

por Larissa Nara

Já reparou como nosso dia a dia está cheio de expressões, pratos, e drinques nada brasileiros? Pensando nisso, a jornalista e pesquisadora de brasilidades, Néli Pereira, lança neste domingo, 31, o canal “Abrasileirar”, no YouTube.

Dedicado à cultura brasileira, o espaço virtual, que surgiu como uma vontade de aprofundar os temas que Néli já traz no Instagram, trará vídeos todas as quartas e domingos com receitas de coquetéis, uso de ingredientes nacionais, além de entrevistas e curiosidades sobre a nossa cultura. “Quero que estes temas sejam mais permanentes e de fácil acesso. Não serão apenas vídeos de receita e de consumo rápido, mas também vídeos de referência em conteúdo de brasilidade. Por exemplo, um dos primeiros vídeos que iremos divulgar é sobre como fazer catuaba caseira, mas nele eu conto a história da catuaba, mostro o que é”, conta.

Para ela, abrasileirar é conhecer e valorizar nossos saberes e costumes, percebendo que temos um jeito único de fazer as coisas que é tão mais interessante do que ficar reproduzindo outras culturas por aqui. “Os estrangeirismos começam na língua, mas passam para o prato, para o copo, para o jeito que a gente se veste. É reconhecendo nossa cultura, por meio do conhecimento e da valorização da autoestima, que podemos defender as coisas do Brasil e voltar a acreditar que essa é uma terra pela qual vale a pena lutar; defender principalmente os povos originários, as culturas únicas deste país”, diz.

Na estreia, além de um vídeo manifesto do canal e um especial sobre a catuaba, Néli ainda fará uma live sobre as “bruxas brasileiras”. “O Brasil foi um depósito de mulheres condenadas na Inquisição e enviadas para cá por Portugal. Aqui, o caldo engrossou com a sabedoria dos povos originários sobre a nossa mata, e com as tradições que os povos escravizados lutaram para manter sobre suas culturas. Temos uma história para contar sobre essas mulheres”, afirma. A entrevista será transmitida ao vivo no canal às 19h. Já se inscreve!

Fotos: Carol Gherardi

Saiba mais!