5 coisas que aprendemos com o maquiador americano Patrick Ta
Pessoas

5 coisas que aprendemos com o maquiador americano Patrick Ta

por Larissa Nara

Basta rolar o feed de Patrick Ta para ver que o maquiador ostenta uma poderosa lista de clientes: nomes como Kim e Kourtney Kardashian, Gigi e Bella Hadid, Taylor Hill, Candice Swanepoel, Ariana Grande são frequentes em sua agenda. Na última semana, Patrick veio ao Brasil pela primeira vez para participar do evento Beauty Trends, organizado pela maquiadora Brigitte Calegari em São Paulo.

Maquiador há apenas 7 anos, ele vive e trabalha em Los Angeles desde então, possui mais 1,5 milhão de seguidores no Instagram (o que ele considera uma ferramenta muito importante para mostrar seu trabalho), é um dos maquiadores mais cotados pros tapetes vermelhos em Hollywood e, no começo deste ano lançou sua linha maquiagem, a Patrick Ta Beauty for HER, inspirada na sua mãe, nas suas irmãs e em todas as mulheres que o rodeiam. Destaque para o Major Glow Body Oil (US$ 52) e para Major Glow Highlighting Mist (US$ 32), disponíveis apenas nas Sephoras gringas, que causaram suspiros na platéia durante a sua demonstração.

Patrick tem como marca-registrada o que a gente chama de make de bonita: pele luminada, com olhos levemente esfumados. Mas seu trabalho não foi sempre assim. Durante uma breve conversa ele contou que não era acostumado a usar texturas leves. Ao contrário, seu  make era mais pesado. Quando foi convidado a maquiar a modelo Joan Smalls, foi até uma loja para comprar vários produtos com texturas bem mais fluídas. Só que a modelo não curtiu o resultado final. “Ela achou make demais e começou a tirar o excesso” ele disse. “Eu fiquei tremedamente nervoso e frustrado, mas foi uma lição.” Rapidamente ele sacou que precisaria aprender a maquiar mulheres de estilos diferentes de formas diferentes e boa parte desse processo estava concentrado na pele.

Como esse é o nosso assunto favorito de make por aqui, anotamos cinco lições preciosas da demostração de Patrick. Acompanhe:

O SEGREDO DO GLOW COMEÇA NO SKINCARE
Capriche na limpeza e hidratação da pele antes (e depois) da maquiagem. “Sempre preciso me certificar que a pele está realmente limpa e hidratada para começar a maquiar”, diz. Seu passo-a-passo: tônico + óleo facial (quem tem pele oleosa, pode pegar leve na zona T) + hidratante (que ele aplica com um pincel de base chato e limpo) e creme para os olhos.

FAÇA O CONTORNO COM UM PRODUTO CREMOSO ANTES DA BASE
Dica de ouro para evitar manchas: Patrick faz o contorno com um bastão cremoso antes de aplicar a base. Esfumar as linhas garante naturalidade especialmente para quem não tem muita segurança da técnica.

SEJA BFF DA BEAUTY BLENDER
Ele mesmo disse que acha que não conseguiria maquiar sem uma esponjinha à mão. Patrick aplica os produtos com pincel, mas finaliza praticamente todas as etapas com a ajuda da esponja. E ele mantém diferentes versões à mão para alcançar até aquele cantinho dos olhos que recebeu um toque de corretivo. Outra lição: ele não arrasta a esponja, mas pressiona (forte mesmo!) sobre o rosto, para garantir que a maquiagem esteja fundida à pele.

APLIQUE O PÓ AOS POUCOS E COM PINCÉIS MENORES
Pó e pele iluminada combinam? Segundo Patrick sim! Segundo ele, o pó ajuda a selar a maquiagem no rosto e evitar que ela sai do lugar mais rápido, especialmente em ocasiões especiais. Ele aplicou doses moderadas da versão solta de Laura Mercier sob os olhos e na zona T, sempre com um pequeno pincel fofo, como o de esfumar sombra.

TENHA PINCÉIS LIMPOS À MÃO
Segundo ele, esfumar é uma obsessão e quanto mais esfumada for a base, o contorno, o corretivo, a sombra…melhor! A cada cor  aplicada ou etapa concluída, Patrick finaliza o acabamento esfumando levemente a região com pincéis limpos, livres de qualquer pigmento ou produto. Essa vamos levar para a vida.


Posts Relacionados