Além das baixas temperaturas, por que sentimos frio?
Relax

Além das baixas temperaturas, por que sentimos frio?

por Larissa Nara

O inverno começa na próxima semana e, assim como acontece no verão, há quem ame a chegada do frio (e tudo o que vem com ele) e quem odeie só a ideia de precisar colocar casacos e roupas mais pesadas para jogo. Sou do time que gosta do frio, mas mesmo com a roupa adequada, demoro um pouco para aquecer o corpo — no trabalho, por exemplo, preciso ter sempre por perto uma mantinha, pois a qualquer sinal de ar condicionado mais potente, já começo a ficar agoniada.

Dia desses li em uma matéria na revista Time, que, para além das baixas temperaturas, ter uma sensação constante de frio pode estar relacionada a fatores como baixos níveis de ferro ou vitamina B12 no organismo e até sono ruim e desidratação! Segundo Roshini Rajapaksa, MD, professora assistente de medicina na Escola de Medicina da Universidade de Nova York e editora na Health Magazine, quando estamos cansados, nosso metabolismo e circulação podem ficar mais lentos, o que pode causar sensação de frio. “A desidratação também é outra causa possível: a água ajuda seu corpo a reter o calor e liberá-lo mais lentamente para manter uma temperatura confortável”.

A especialista ainda diz que as mulheres, geralmente, tendem a sentir mais frio do que os homens, porque conservamos mais calor ao redor dos nossos órgãos vitais, deixando as mãos e os pés cronicamente gelados. Já ‘congelar’ somente nas mãos e pés, pode indicar questões de circulação. “Problemas cardiovasculares podem ser possíveis culpados, assim como a doença de Raynaud, na qual os vasos sanguíneos das extremidades se estreitam temporariamente quando o corpo sente frio”, alerta. No entanto, se você tem sensação de frio todos os dias, vale a pena visitar o seu médico. “Um especialista pode determinar se há uma solução simples – como indicar um cardápio com maior ingestão de ferro, por exemplo — ou se há necessidade de uma investigação e tratamentos mais profundos”, alerta.

Saiba mais!