Arrumação total: sim, a Netflix botou todo mundo para faxinar com o método Marie Kondo
Relax

Arrumação total: sim, a Netflix botou todo mundo para faxinar com o método Marie Kondo

por Vânia Goy

Marie Kondo a guru da arrumação japonesa virou um fenômeno há alguns anos, depois da publicação do livro “A mágica da arrumação”. Nem sei porque demorou tanto tempo para ela virar a estrela de um reality show!

Agora, na Netflix, as técnicas de faxina e organização dela viraram uma série que bombou instantaneamente nas redes. Não é para menos, não havia período melhor para essa estreia! E, segundo uma matéria muito boa publicada na BBC na última segunda-feira, influencers organizadoras e são as novas blogueiras fitness.

Bom, se te falta coragem para encarar armários e prateleiras bagunçadas e você está varrendo aquela papelada desorganizada pro fundo das gavetas, recomendo fortemente uma maratona de ao menos três episódios para te inspirar! Dos ensinamentos que acho mais legais e relevantes:

. Não adianta arrumar sem descartar
Assuma o compromisso de tirar tudo dos armários, avaliar tudo o que você tem e escolher o que fica. Assim fica mais fácil organizar.

. Organize por categorias, não cômodos
Tem mesmo lógica seguir as recomendações de Marie para organizar roupas, livros, papéis, miscelâneas e recordações sentimentais. É até mais simples de pensar em como agrupar esses objetos juntos depois.

. O que te traz alegria?
Eu AMO que esse é o critério número 1 de seleção dela! Já pensou que as coisas da sua casa, seus objetos de decoração, suas maquiagens carregam energia? Em uma entrevista ótima para o Dwell, Marie fala que o seu método nasceu justamente quando ela se deu conta que faxinar não é sobre o que vai pro lixo. “Percebi que a coisa mais importante sobre arrumar não é decidir o que descartar, mas sim decidir o que guardar. Naquele momento, minha prática de arrumação se concentrou em identificar as coisas que “despertam a alegria” e o núcleo do Método KonMari nasceu.”

Por último, acho bonito demais como ela tem uma visão respeitosa dos espaços e dos objetos. Ela começa as visitas fazendo uma saudação à casa toda e, a cada coisa descartada, ensina a gente a agradecer o papel daquilo na sua vida. Achei tão simbólico e cheio de significado. Adotei sem pensar duas vezes.

Posts Relacionados