Incensos: cheiros pra casa e para a alma
Produtos

Incensos: cheiros pra casa e para a alma

por Larissa Nara

Sentimos aqui que há um revival dos incensos rolando! Pode ser a onda cómico-mística-bruxaria-escapista que anda tomando conta de muita gente, pode ser que eles tenham saído da gaveta para renovar o ritual de perfumação da casa que andava centrado no uso de velas e sprays de ambiente.

Dênis Pagani, expert em fragrâncias, conta que os incensos foram uma das primeiras formas de perfumação que existiu e que o ritual era centrado no poder da fumaça levar as intenções daqui pros céus. Bonito, né?

Em Nova York, cruzamos com novidades super interessantes. A primeira delas foi lançada pela Oribe, marca super refinada de produtos para o cabelo que tem uma fragrância característica em seus sprays. Pois eles reproduziram o tal cheiro em varetinhas artesanais confeccionadas no Japão.

Falando em Japão, são de lá os incensos mais tradicionais. Na loja de chás americana Bellocq, paraíso para as amantes da bebida, é possível encontrar caixinhas do tradicional incenso Nipon Kodo, marca que existe (apenas) desde 1575.

Duas outras marcas que a gente adora também resolveram se aventurar na produção de varetinhas especiais, de aromas incríveis. A Floraïku, especialista em fragrâncias, criou uma caixa inspirada na tradição japonesa de fazer incensos, com três versões deliciosas e coloridas. Na Astier de Villate, loja surreal de decoração francesa, é possível encontrar outras caixas lindas com mais de 10 aromas diferentes, totalmente inesperados e especiais.

Por aqui, novas marcas de incenso também andam embalando as nossas práticas de meditação e perfumando a casa com cheiros delícia e embalagens lindas: 

A Primeira Folha tem opções que variam de R$ 25 a R$ 90 e fogem do tradicional formato de vareta. Em graciosas – e recicláveis –  embalagens de vidro, os incensos são vendidos em pó e devem ser queimados sobre uma superfície de cerâmica. Além deles, delicadas cuias artesanais (R$ 50) também podem ser encontradas na loja. Os aromas variam desde os mais tradicionais, como lavanda, que relaxa e é perfeito para incentivar o sono, até opções mais específicas, com objetivos energéticos, como quebra demanda (para ajuda a dar adeus à fases difíceis) e chama dinheiro.

A Santo tem carinha bem natural e formato tradicional de vareta. Os incensos da Santo são feitos com palo santo, madeira aromática, e com o makko, o pó de incenso japonês tradicional, produzido a partir da extração sustentável de cedro do nordeste asiático. Naturais, são encontrados em caixinhas de papelão com design arrojado em dois tamanhos e com preços entre R$ 21 e R$ 97.

Posts Relacionados